conheca-as-vantagens-do-marketing-digital-para-supermercados

Vantagens do Marketing Digital para Supermercados

  • A internet está cada vez mais inserida nas tendências de consumo das pessoas e não deve ser menosprezada pelos supermercados.
  • Estratégias focadas em criar autoridade e estabelecer uma relação contínua com o consumidor geram confiança.
  • É importante definir o público-alvo e uma estratégia que seja eficiente para alcançá-lo.
  • Os meios digitais podem ser usados para implementar vendas e para diminuir custos com o marketing.

As tecnologias online já desempenham papel fundamental no cotidiano e ficar fora desses meios pode representar perda de dinheiro para muitos estabelecimentos. Hoje, graças aos novos dispositivos e algoritmos, é possível direcionar campanhas de marketing digital de forma ordenada para ter o melhor alcance e atingir o público-alvo.

Mas o marketing digital vai muito além de uma publicidade para atrair pessoas, é uma ferramenta de relação contínua com o consumidor. Quando ele navega pelas páginas e redes sociais de uma empresa, não tem somente a oportunidade de conhecer os preços, produtos e serviços daquele comércio, mas também tem a chance de saber mais sobre a marca como um todo devido ao fato deste recurso ser muito acessível.

Por causa dos benefícios de alcance, acessibilidade e preço, é importante que os supermercados sigam essa tendência para transmitir uma imagem com a qual o consumidor se identifique. Além de ser um recurso relevante para gerar engajamento e novos clientes, os meios digitais podem servir como um canal de venda e atendimento ao cliente e, com uma boa estratégia, os comerciantes podem ter menos gastos e mais lucro.

Importância

O setor de supermercados continua tendo uma importância muito grande para o mercado consumidor, mas também precisa se adequar às novas tendências para que não fique obsoleto. Uma vez que uma empresa, seja ela pequena, média ou grande, não atende às crescentes demandas dos clientes, ela pode acabar perdendo dinheiro e até mesmo fechar as portas.

Para evitar a obsolescência, muitos comércios estão associando a internet à sua estratégia de marketing. Se antes o consumidor estava acostumado a ver folhetos de supermercado ou propagandas no rádio e na TV, ele agora conta com os buscadores da web e as redes sociais para ajudá-lo na busca e é ali que muitas pessoas realizam pesquisas para saber qual é a melhor opção para fazer suas compras.

Além das estratégias de engajamento, é importante levar em conta as tendências crescentes do e-commerce que, além de ser uma alternativa para aumentar as vendas, também ajuda o cliente a personalizar a sua jornada de compra, ajudando-o a evitar possíveis frustrações que ele possa ter com a aquisição, contribuindo para uma experiência agradável e gerando boa reputação para a marca.

As Vantagens do Marketing Digital

A melhor coisa do marketing digital é a sua abrangência, tanto para o cliente quanto para a marca. Para o consumidor, existe a possibilidade de uma interação contínua com o supermercado que pode ser aprofundada de acordo com a experiência de navegação que ele tiver. Para a empresa, é possível ordenar suas campanhas para atingir pessoas com as características que a empresa desejar, como: sexo, idade, localidade, etc.

A vantagem vai muito além de anunciar ofertas e preços baixos, como nas publicidades tradicionais. O marketing na web foca na relação da marca com o consumidor e isso possibilita a ele conhecer a marca e seus valores, permite-lhe interagir com a empresa sobre qualquer questão que possa vir a ter e dá a chance de ver se há alguma loja próxima, além de poder usar a própria internet como um canal de vendas.

A interação com o consumidor também permite que a empresa mensure seus resultados. Dispositivos voltados para negócios como o Google Meu Negócio, Ads, Analytics, redes sociais, blog e websites medem o resultado das campanhas e permitem que o comerciante saiba o alcance das postagens, quantas pessoas viram, tempo de permanência na página, número de vendas e outros detalhes sobre engajamento que possam ser relevantes. 

Com as vantagens oferecidas pelos dispositivos digitais, as campanhas ganham uma profundidade muito maior. Com tantos resultados possíveis de serem mensurados, é mais fácil para uma empresa definir estratégias para fidelizar clientes que, uma vez engajados, indicam a marca para mais pessoas e o supermercado passa a lucrar mais gastando menos com investimento em marketing.

Como Implementar o Marketing Digital 

Defina a Persona

Toda estratégia precisa de um direcionamento e o ponto chave é estabelecer para quem a empresa irá dirigir suas campanhas, ou seja, com que tipo de pessoa ela irá dialogar. Para isso, é preciso definir a persona, isto é, qual é a média de idade das pessoas que frequentam o estabelecimento, o sexo, renda média, localidade, o que procuram, quais são suas as demandas, se têm família, etc.

Uma campanha sem uma persona definida está sujeita a perder seu foco, pois se os conteúdos forem muito diferentes entre si, irão engajar muito pouco. E, se isso acontecer, a estratégia não terá objetivo, representando um gasto desnecessário com a campanha, além de não atrair e nem fidelizar os consumidores.

A empresa pode aproveitar a própria interação do público com as suas páginas para definir mais precisamente a persona, uma vez que os próprios dispositivos digitais transmitem informações aprofundadas sobre os visitantes. Direcionar a estratégia para um determinado público ajuda a empresa a fazer esforços somente para aquilo que é necessário, o que aumenta as chances de sucesso.

Defina os objetivos da campanha

Se a empresa possui uma persona e direciona parte dos seus recursos para a criação de um marketing digital, o próximo passo é definir os objetivos da campanha. Se um estabelecimento pretende aumentar visitas no site, tempo de permanência, atrair mais pessoas para a loja ou dar um ganho para o número de vendas, todas as metas precisam estar bem definidas.

A única forma de saber se uma campanha foi ou não um sucesso é através da mensuração dos resultados. Portanto, esse processo deve estar de acordo com os objetivos que o supermercado estipulou. Por exemplo, se o objetivo de uma estratégia for vender uma quantidade maior de sacos de feijão, não importa se a empresa fez uma postagem anunciando uma oferta do produto que teve muitas curtidas, mas não aumentou as vendas.

Portanto, é importante lembrar da jornada de compras, em que as pessoas não sabem que têm um problema, descobrem que o possui, consideram uma solução e definem a compra. Por mais que nem todos façam esse percurso completo ou nessa ordem, uma empresa que quer entrar no meio digital precisa ter uma meta para cada uma dessas etapas. Se precisar, conte com um especialista em inbound marketing nessas horas.

Conheça e utilize dispositivos da web

Entre os dispositivos na web que uma empresa pode usar, estão os blogs, websites, redes sociais e as plataformas de e-commerce. É importante conhecê-los, entender quais são as melhores tendências comerciais para o estabelecimento, saber para o que cada uma delas pode ser usada e, finalmente, implementá-las dentro da estratégia.

Uma vez que esses recursos estiverem sendo usados, é preciso garantir que haja uma produção regular de conteúdo para todas as páginas e redes da loja. Caso contrário, isso trará ao visitante uma sensação de abandono, o que pode quebrar essa relação contínua ou até mesmo fazê-lo achar que a loja encerrou as suas atividades. Defina uma periodicidade para as postagens e respeite esse planejamento.

Os conteúdos digitais da empresa devem sempre atender às estratégias definidas previamente e só devem mudar caso haja uma reformulação. No entanto, é importante lembrar que toda mudança deve ser baseada em tendências e, se não há motivos para implementá-las, não devem ser feitas, pois uma inconstância nas abordagens também pode gerar problemas de identidade, o que é ruim para o engajamento.

Transmita valores

O espaço na rede é uma forma da empresa construir a autoridade demonstrando conhecimento e capacidade naquilo que ela se propõe a fazer. Portanto, é importante produzir conteúdo sobre temas que vão além de anunciar produtos e abordar assuntos que são pertinentes ao público-alvo, como uma prestação de serviço.

Ao transmitir confiança ao consumidor, é preciso demonstrar preocupação e atenção aos problemas e dúvidas que ele possa ter, portanto, quando ele apresentar uma queixa, reclamação ou dúvida, a empresa deve estar disposta a solucionar o problema da melhor forma através de seus canais digitais, pois isso é o que ajuda o cliente a ter uma boa experiência de compra, o que é fundamental para fidelizá-lo.

Venda

Uma loja não necessariamente precisa ter um e-commerce, mas é um recurso que pode ser utilizado para aumentar as vendas. Se optar por usar os meios digitais para aumentar as vendas no físico, ela pode oferecer voucher e outras ofertas exclusivas através dos dispositivos digitais. Essa também é uma forma de valorizar e ter mais engajamento do público nas redes e pode ser utilizada também para expandir os lucros.

Conclusão

O marketing digital oferece muitas possibilidades para que o consumidor conheça a empresa e vice-versa. Quando a empresa possui um espaço da web, ela atualiza seu modelo de negócio de acordo com as novas tendências de mercado, pois as pessoas cada vez mais estão pesquisando soluções e comprando pela internet.

Para atender essa demanda, o comércio deve traçar uma estratégia de vendas direcionada para um público-alvo e definir as metas das campanhas de marketing, para que haja uma linguagem e um relacionamento adequado para lidar com as pessoas que o supermercado quer atingir.

A presença na web deve estar focada em conquistar a confiança do consumidor e, para isso, a empresa deve buscar atraí-lo por meio de construção de autoridade, abordando assuntos que possam ser pertinentes para ele e também através da atenção a problemas ou dúvidas que ele possa ter, buscando resolvê-los da melhor maneira possível.

Para um bom uso desses recursos, é importante conhecer a função de cada dispositivo digital, respeitar a estratégia pré-estabelecida e atualizá-los regularmente. Eles também podem ser associados ao e-commerce ou estimular vendas no estabelecimento através de benefícios fornecidos pelas páginas da empresa.

Links Para Leitura