veja-novas-tendências-da-black-friday-para-aumentar-as-vendas

Veja as Novas Tendências da Black Friday Para Aumentar as Vendas

  • A Black Friday pode ser uma excelente vitrine para ajudar os comerciantes a venderem mais durante todo o ano.
  • Aderir a novas tecnologias e implementar logística pode ser um diferencial nessas horas.
  • É importante demonstrar  preocupação com o cliente durante toda a sua jornada de compra.
  • A empresa deve ir além de estratégias genéricas de venda e propor valores que criem vínculos com seus consumidores.

A Black Friday é um período do ano muito aguardado pelo comércio para aquecer as vendas, especialmente porque inicia a etapa de compras de fim de ano. No entanto, o comerciante pode ter a seguinte dúvida: quais são as melhores iniciativas para esta data comercial? A maioria dos estabelecimentos optam somente pelas tradicionais ofertas e outras vantagens promocionais, mas é possível ir além na hora de oferecer benefícios.

Boas ações de venda nesse período podem continuar gerando vendas depois da Black Friday. Dessa forma, essa data especial para o comércio se torna uma vitrine para atrair novos clientes, deixando de ser apenas uma data para vender mais e se tornando uma época que aumenta o engajamento do consumidor. Para isso, é importante estar atento ao momento que estamos vivendo e quais são as atuais tendências de mercado.

Em 2021, o mercado físico ainda está retomando o ritmo de vendas perdido no último ano por causa da pandemia do coronavírus. Além disso, as vendas pelo comércio digital cresceram nos últimos anos e a tendência é que continuem aumentando. Para que haja uma boa estratégia de captação de clientes eficientes nessa Black Friday, é importante considerar esses fatores, que certamente farão a diferença para vender mais esse ano. 

Novas Tendências de Consumo

Branding

As estratégias genéricas de grande apelo, como ter o preço mais baixo do mercado, estão cada vez mais deixando de ser o principal fator na hora do cliente tomar a sua decisão de compra. Por outro lado, há uma tendência de consumo cada vez maior de os compradores se preocuparem com a imagem que a marca carrega consigo. Com isso, surgiu o desejo de criar vínculos com as empresas.

Essa tendência se reflete nos estudos sobre os novos hábitos de compra das pessoas. Uma pesquisa da RTB House e da WGSN sobre O Futuro da Publicidade Online revelou o quanto a criação de uma boa imagem é importante para uma empresa, sobretudo para os clientes da geração zoomer, que são as pessoas que nasceram entre 1995 e 2010. Nesse caso, 83% dos consumidores responderam que uma geração de valor é importante.

Pensando nisso, a Black Friday deve ser um período para os comércios pensarem em estratégias duradouras que expressem os valores que a marca carrega, pois é um período em que terão uma visibilidade maior. As estratégias online são importantes nesse momento, pois a consciência e o engajamento público da marca podem ser associados a publicações, postagens e vídeos para potencializar o seu alcance.

A pesquisa da RTB House também mostrou que quando as campanhas são usadas com tecnologias de personalização e recomendação com inteligência artificial, que ajudam a definir a melhor forma de apresentação de conteúdo, a taxa de visibilidade aumenta em 33%,o que contribui para um aumento de 47% na finalização.

Phygital

O ano de 2020, o primeiro da pandemia do coronavírus, foi marcado por um grande avanço nas vendas por e-commerce. Os números levantados pela Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo mostram que esse crescimento foi de 74%. Mas, neste ano, com a vacinação e a diminuição dos casos da doença, algumas coisas devem mudar enquanto outras devem se manter e, por isso, o comerciante deve estar atento a ambas as tendências.

O phygital é uma tendência que une o ponto de vendas ao e-commerce, permitindo ao consumidor personalizar a jornada de compra através da escolha da forma de experimentar, pagar e retirar o produto que ele achar melhor. Existem várias maneiras de integrar as formas de comercialização, que ajudam o cliente a ter mais comodidade e uma satisfação maior na hora de consumir um produto.

Ter uma estratégia que concilie múltiplos canais de venda é algo que tem adquirido cada vez mais importância ao longo do tempo. Uma pesquisa publicada no site da revista Forbes mostrou que as empresas que fazem campanhas de engajamento em diversas plataformas conseguem reter, em média, 89% dos consumidores, enquanto aquelas que não investem neste recurso ficam com somente 33%.

Planejamento por antecipação

O isolamento social fez com que o costume de comprar pela internet ficasse muito mais frequente. Com isso, o consumidor criou o hábito de sempre planejar a sua próxima compra e, dessa forma, ele pesquisa cada vez mais por novos produtos na internet. Isso significa que o consumidor está cada vez mais atento às melhores condições de compra e aos preços praticados.

Alguns comércios costumam fazer algumas falsas promoções, conhecidas como “a metade do dobro”, em que aumentam os preços algumas semanas antes da Black Friday e, durante o dia de promoções, o preço abaixa novamente, dando a falsa sensação de que há uma oferta disponível. Os clientes estão cada vez mais atentos a esse tipo de prática, portanto, ela deve ser evitada, afinal, isso é péssimo para a imagem de uma empresa.

Competitividade é algo importante para fazer uma boa Black Friday. Por isso, os comércios que optarem por participar da data promocional devem fazer isso da melhor forma possível, proporcionando ao cliente a sensação verdadeira de estar diante de uma oferta imperdível e de produtos e serviços de boa qualidade.

Como as Tendências Farão Diferença na Black Friday

Planejamento

As tendências da Black Friday em 2021 serão importantes para fidelizar novos clientes. É preciso se preparar para lidar com a demanda desta época a fim de oferecer uma boa experiência de compra ao consumidor, levando em conta todas as etapas da jornada de compra. Além do bom preço, o produto desejado deve estar disponível em estoque, ter um bom atendimento e a garantia que receberá o produto sem nenhum problema.

Todas as tendências destacadas na primeira parte do texto precisam ser conciliadas com uma boa logística e treinamento de equipe para que o cliente saia satisfeito. Desta forma, será possível executar da melhor forma o objetivo que a marca se propôs a fazer.

Valorizando o cliente nos meios online

Além das novas tecnologias permitirem aos clientes ter maior autonomia e personalizar a jornada de compras, também facilitaram muito o acesso a múltiplas lojas e ofereceram a possibilidade de conhecer melhor os valores transmitidos por aquela marca.

Além de ser positiva para o cliente, a tecnologia pode ser benéfica para as lojas – não somente para emplacar vendas, mas também para conceder certa autonomia aos consumidores, para que consigam resolver seus próprios problemas. Assim como no tópico anterior, o foco deve ser a logística na entrega e, principalmente, o treinamento da equipe para prestar um bom atendimento.

Atenciosidade

Problemas com compras sempre estão sujeitos a acontecer. Nesses casos, o mais importante é tratar o cliente bem para que ele não tenha nenhuma frustração. A loja deve tentar facilitar a devolução e a troca dos produtos. Nessas horas, a imagem da empresa está em jogo, portanto, o melhor é garantir que o consumidor fique satisfeito.

Se for necessário, é importante que a loja também facilite a devolução do dinheiro ou ofereça algum benefício em uma próxima compra para que não haja nenhuma frustração para o consumidor. Também é preciso ter atenção ao pós-venda, garantindo que ele tenha orientações sobre como utilizar o produto, para que não se arrependa de ter feito a aquisição.

Nessas horas, também é importante que a empresa crie recursos para mapear e corrigir os seus erros, mas principalmente tenha transparência ao dar satisfação ao cliente para que ele não se sinta enganado. Isso ajudará a gerar a confiança na marca.

Conclusão

A Black Friday é uma ótima vitrine para as marcas que querem fidelizar os seus clientes e aumentar os seus negócios. Diversas tendências de consumo apontam que o consumidor está buscando mais do que preço baixo e campanhas genéricas de venda – ele também quer se identificar com a marca que consome e, portanto, é importante transmitir bons valores e uma experiência de compra que estimule a sua fidelização.

É importante ir além das promoções genéricas e começar a buscar o estabelecimento de vínculos com o cliente através da construção de uma boa imagem para a empresa, proporcionando a ele a possibilidade de personalizar a sua jornada de compras, permitindo que ele escolha as melhores formas de selecionar, experimentar, pagar e retirar o produto e oferecendo múltiplos canais entre o físico e o digital.

Atualmente, as pessoas conseguem ter acesso a várias lojas que anunciam preços e condições diferentes de pagamento. Por isso, é preciso oferecer promoções de verdade durante a Black Friday, com preços competitivos e demonstrar preocupação com o cliente após a compra: se necessário, ensiná-lo a utilizar o produto, trocá-lo por outro ou devolver o dinheiro, pois isso mostra que a empresa prioriza o bem-estar dele.

Aderir a boas práticas de venda ajudará a empresa a vender mais não somente durante a Black Friday, mas durante todo o ano, caso dê continuidade a essas ações de marketing. No entanto, vale a pena aproveitar a data promocional para começar a aumentar as vendas e implementar novos modelos de negócio.

Links Para Leitura